Bitcoin aumenta após Peter Thiel, investidor do Facebook, comprar enormes quantidades.

Variedade

Founders Fund, dirigido por Peter Thiel, um dos co-fundadores do PayPal e recém investidor do Facebook, comprou milhões de dólares em bitcoin, informou o Wall Street Journal nesta terça-feira, segundo fontes familiares com a situação.

O Bitcoin aumentou mais de 13,5% para cerca de US$ 15,017, de acordo com a Coinbase, segundo relatório. À medida que o preço do Bitcoin subia, a negociação nos futuros do Cboe Bitcoin também foi interrompida brevemente de acordo com regras pré-estabelecidas.

A empresa de capital de risco comprou valor entre US$ 15 milhões a US$ 20 milhões de Bitcoins e disse aos investidores que, após o aumento de Bitcoin no último ano, essas participações valem milhões de dólares, disse o jornal. Não ficou claro se os Fundadores venderam nenhuma das suas participações, segundo o relatório.

Founders Fund recusou-se a comentar a CNBC.

1514919349_bitcoin1hour02012018

                                Desempenho do Bitcoin na hora em torno do relatório.

Em uma conferência no final de outubro, Thiel disse que as pessoas estão “subestimando” o bitcoin e compararam a moeda digital com o ouro. “Se o bitcoin acaba por ser  ciber-equivalente de ouro, ele tem um grande potencial sobrando”, disse ele.

O capitalista de risco, Tim Draper, comprou quase 30 mil bitcoins U.S. Marshals Service auction de 2014. Draper confirmou à CNBC no início de dezembro que ele ainda está segurando todas essas moedas.

 

 

 

 

Fonte: Cnbc

Deixe seu cometário